A docência universitária em biologia e suas relações com a realidade das metrópoles amazônicas

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

A docência universitária em biologia e suas relações com a realidade das metrópoles amazônicas

Mostrar registro completo

Título: A docência universitária em biologia e suas relações com a realidade das metrópoles amazônicas
Autor: Oda, Welton Yudi
Resumo: O estudo busca investigar a constituição de professores universitários para o exercício da atividade docente em Microbiologia e Parasitologia, enfatizando tanto seus aspectos mais gerais quanto aqueles particulares atinentes ao ensino dos conteúdos que constituem as disciplinas nomeadas de Microbiologia e Parasitologia. Particularmente, caracteriza-se a prática pedagógica do professor universitário que ministra disciplinas nestas áreas, investigando como esta atividade poderia contribuir para reduzir agravos à saúde causados por organismos parasitas. Ainda que a prática docente no ensino superior esteja sendo problematizada por especialistas, nos últimos anos, poucos estudos envolvendo o ensino ministrado em certos conteúdos específicos das Ciências da Natureza têm sido realizados, indicando a insuficiência do domínio pedagógico por parte destes profissionais. A presente pesquisa ocorreu em três distintas etapas, envolvendo metodologia diversificada. Iniciou-se com uma Investigação Preliminar, na qual, a partir de aprofundamento teórico nos campos da Pedagogia Universitária, Educação em Ciências e Ensino de Biologia, além de análise de documentos legais, ementas e planos de ensino, foi possível delimitar o objeto da pesquisa e propor certas estratégias metodológicas iniciais. Em seguida, durante o Estudo-Piloto, docentes preencheram questionário semi-aberto e participaram de entrevistas, nas quais estes instrumentos foram validados. Além disso, nesta fase, elementos da história do ensino destas disciplinas em instituições de ensino superior no Brasil e no mundo, foram investigados. Na terceira e última etapa, denominada Pesquisa in loco, foram também utilizados questionários e entrevistas. Integraram esta fase 26 docentes de instituições públicas de ensino superior das duas metrópoles da Região Norte do Brasil, Belém e Manaus, os quais forneceram também seus planos de ensino, para análise. Foram adotados, como referenciais de análise, o modelo desenvolvido por Ludwik Fleck, que propõe explicar os processos envolvidos na sociogênese do conhecimento, e; as categorias consciência real efetiva e consciência máxima possível, desenvolvidas por Lucien Goldman. Os resultados desta investigação indicam que os processos formativos para a docência, realizados pelos participantes da pesquisa privilegiaram a formação para a pesquisa, em detrimento da formação para a docência e que, exceto por alguns docentes, que evidenciaram concepções e práticas diferenciadas, a aprendizagem oriunda de processos informais, envolvendo familiares, amigos e outros círculos sociais, contribuiu para reforçar a escolha pelo modelo tradicional de ensino, baseado na ideia de transmissão-recepção. Coerente com este modelo, grande parte dos docentes adota conteúdos pré-estabelecidos, engessados, nos quais o contexto de vida dos alunos e os problemas da sociedade contemporânea são desconsiderados. Docentes com práticas tradicionais, em geral, pouco se envolvem com atividades de extensão e pesquisa, ou se envolvem de modo a priorizar uma delas, enquanto entre docentes diferenciados, parece haver certo equilíbrio entre atividades de ensino, pesquisa e extensão. No tocante ao ensino, práticas docentes distintas, ainda que contra-hegemônicas, são registradas, quer de modo pontual ou circunstancial, quer de um modo mais sistêmico. Nestes casos, por um lado, os processos formais de aprendizagem para a docência e, por outro, elementos da trajetória de vida de certos indivíduos diferenciados parecem explicar as diferenças. Postula-se por fim, que a consideração de ambos os aspectos que constituem os indivíduos para a docência, em propostas de formação continuada para o exercício desta atividade, construídas a partir do processo de Investigação Temática, é viável e capaz de oferecer ao docente universitário uma compreensão mais afinada com os pressupostos de uma educação contemporânea, quer em relação às suas concepções epistemológicas, quer se leve em conta o domínio dos saberes pedagógicos.The study aims to investigate the university teachers training for the teaching at Microbiology and Parasitology, emphasizing both its more general and particular aspects relating to the teaching of issues that constitutes disciplines named Microbiology and Parasitology. Particularly, we intend to characterize the pedagogical practice of the university professor who teaches courses in these areas, investigating how this activity can help to reduce health problems caused by parasitic organisms. Although the teaching practice in higher education is being questioned by experts in recent years, few studies provide teaching in certain specific contents of the Nature Sciences have been carried out, indicating the inadequacy of the educational field by these professionals. This study occurred in three distinct steps, involving diverse methodology. It began with a Preliminary Investigation, in which, from theoretical deepening in the fields of University Education, Education in Sciences and Biology Education, and analysis in legal documents, lesson plans and menus, it was possible to delimit the research object and propose initial methodological strategies. Then, during the Pilot Study, teachers completed a questionnaire and participated in semi-open interviews, in which these instruments were validated. Moreover, at this stage, elements of the history of teaching of these subjects in higher education institutions in Brazil and abroad, were investigated. In the third and final stage, known as Site Survey, were also used questionnaires and interviews. 26 university profesors integrate this research phase realized in public institutions of higher education of two cities in Northern Brazil, Belem and Manaus, which also provided their teaching plans for review. Were adopted as references for analysis, the model developed by Fleck and that purports to explain the processes involved in knowledge sociogenesis; and the categories effective real consciousness and awareness maximum possible, developed by Lucien Goldman. The results of this investigation indicate that the educational processes for teachers, conducted by the research participants generally favored training for research instead of teachers training and that, except for a few teachers that shows differentiated conceptions and practices, learning arising from proceedings informal, involving family, friends and other social circles, contributed only to reinforce the choice of the traditional model of education based on the idea of transmission-reception. Consistent with this model, most teachers adopt pre-determined content, casts, in which the context of students' lives and problems of contemporary society are disregarded. Teachers with traditional practices in general, little is involved in research and extension activities, or engage in order to prioritize only one of them, while between differentiated teachers, there seems to be some balance between teaching, research and extension. With regard to education, distinct teaching practices, yet counter-hegemonic, are recorded either in an ad hoc or circumstantial, whether in a more systemic. In these cases, on the one hand, the formal processes of teaching and learning for the other elements of the life histories of certain individuals seem to explain the differences. It is postulated finally, that the consideration of both aspects that make up individuals for teaching in continuing education proposals to conduct this activity, constructed from the process of Thematic Research, is viable and able to offer the university teacher a more attuned to the assumptions of a contemporary education, whether in relation to their epistemological conceptions, whether it takes into account the domain of pedagogical knowledge.
Descrição: Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós-Graduação em Educação Científica e Tecnológica
URI: http://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/100767
Data: 2012


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
304285.pdf 2.388Mb PDF Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar