Renda da terra e agronegócio: reflexões sobre a questão agrária no Brasil do século XXI

DSpace Repository

A- A A+

Renda da terra e agronegócio: reflexões sobre a questão agrária no Brasil do século XXI

Show full item record

Title: Renda da terra e agronegócio: reflexões sobre a questão agrária no Brasil do século XXI
Author: Cardoso, Maisa Gonçalves
Abstract: A presente tese tem por objetivo evidenciar a categoria renda da terra como uma mediação teórica fundamental para a apreensão das particularidades da relação contraditória capital/trabalho nos marcos da economia dependente brasileira, tendo em vista a necessidade imperiosa de decifrarmos os determinantes da questão social em nossa particular contemporaneidade. O pressuposto desta tese, ao considerar a questão agrária no Brasil e a tendência histórica da renda da terra no país e na América Latina como um todo - é de que no século XXI tal tendência não apenas se acirra, como também apresenta nuances distintas na sua dinâmica, as quais a particularizam em relação ao modo como se apresentava face aos padrões de reprodução do capital que precederam a atual fase de financeirização, datada de meados dos anos de 1970. Assim, buscamos elucidar elementos que demarcam a dinâmica atual da renda da terra no Brasil e seus impactos no aprofundamento da superexploração da força de trabalho. O conceito de questão agrária aqui adotado refere-se, portanto, ao estudo do desenvolvimento concreto das relações capitalistas em função da particularidade que a renda impõe ao movimento do valor, que se reflete em conflitos sociais. Ainda que em termos mais abstratos, ao retomar a renda da terra como uma determinação fundamental a apreensão do processo de apropriação da mais-valia nas economias dependentes, nossa tese é de que a mesma sintetiza contradições fundamentais da relação desigual entre as classes em luta no capitalismo.Abstract: The present tesis aims to highlight the land income category as a fundamental theoretical mediation to apprehend the particularities of the contradictory capital / labor relationship in the framework of the Brazilian dependent economy, in view of the imperative need to decipher the determinants of the social issue in our society. particular contemporaneity. The assumption of this thesis, when considering the agrarian issue in Brazil and the historical trend of land income in the country and in Latin America as a whole - is that in the 21st century, this trend not only worsens, but also presents different nuances in its dynamics, which particularize it in relation to the patterns of capital reproduction that preceded the current phase of financialization since the mid-1970s. Thus, we seek to elucidate elements that demarcate the current dynamics of land income in Brazil and its impacts on deepening the overexploitation of the workforce. The concept of the agrarian question adopted here, therefore, refers to the study of the concrete development of capitalist relations in the field in function of the particularity that income imposes on the movement of value, which is reflected in social conflicts. Although in more abstract terms, when resuming land income as a fundamental determination the apprehension of the process of appropriation of surplus value in dependent economies, our thesis is that it synthesizes fundamental contradictions of the unequal relationship between the classes in struggle in the capitalism.
Description: Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Serviço Social, Florianópolis, 2020.
URI: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/215818
Date: 2020


Files in this item

Files Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Compartilhar