AVALIAÇÃO DE ALTERNATIVAS PARA A DRENAGEM DE ÁGUA PLUVIAL NA BACIA HIDROGRÁFICA DO CAMPUS DA UFSC

DSpace Repository

A- A A+

AVALIAÇÃO DE ALTERNATIVAS PARA A DRENAGEM DE ÁGUA PLUVIAL NA BACIA HIDROGRÁFICA DO CAMPUS DA UFSC

Show full item record

Title: AVALIAÇÃO DE ALTERNATIVAS PARA A DRENAGEM DE ÁGUA PLUVIAL NA BACIA HIDROGRÁFICA DO CAMPUS DA UFSC
Author: Galvane, João Victor
Abstract: A urbanização de uma área transforma suas características naturais. A impermeabilização do solo, a retirada da vegetação nativa e a alteração da hidrografia são as primeiras mudanças decorrentes da ocupação urbana de uma região. Esta ocupação raramente é acompanhada de uma infraestrutura adequada. Por essa razão, é comum haver inundações em áreas urbanizadas, sendo importante prevenir e amenizar desastres e custos financeiros, fornecendo segurança à população. As técnicas compensatórias em drenagem urbana são métodos para diminuir os impactos causados pela intensa urbanização. Esse trabalho analisou o comportamento do Campus Reitor João David Ferreira Lima (UFSC), compreendido na bacia hidrográfica do rio do Meio, localizado em Florianópolis (SC), em relação ao escoamento superficial causado pela urbanização da bacia a partir do software de modelagem hidrológica SWMM. Criou-se quatro cenários distintos, dois para a conjectura da drenagem atual e outros dois cenários idealizados com técnicas de drenagem sustentável. Os cenários foram simulados a partir de dois eventos de precipitação reais, com precipitação total de 143 mm e 31,6 mm, ocorridos em janeiro de 2018. Foi observado um grande volume e vazão de escoamento, causando extravasamentos de canais (córregos) do campus, diante disso foram simuladas as utilizações de técnicas sustentáveis de pavimentos permeáveis, telhados verdes e jardins de chuva. De modo geral, atestou-se a efetividade das técnicas sustentáveis na redução do pico de vazão de escoamento superficial, do volume de escoamento e na quantidade de canais alagados. Os resultados obtidos indicaram uma redução do pico de vazão em 63,88% e, do volume, em 16,76%, para o evento de 143 mm. Já para o evento de 31,60 mm, o pico de vazão reduziu 88,0% e o volume de escoamento diminuiu 72,20%. Destaca-se o desempenho dos pavimentos permeáveis e a combinação de telhados verdes com jardins de chuva.
Description: TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Tecnológico. Engenharia Sanitária e Ambiental.
URI: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/195646
Date: 2018-11-28


Files in this item

Files Size Format View
TCC II João Galvane.pdf 3.622Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Compartilhar