A AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E O MODISMO GERENCIAL EM UMA UNIVERSIDADE FEDERAL BRASILEIRA

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

A AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E O MODISMO GERENCIAL EM UMA UNIVERSIDADE FEDERAL BRASILEIRA

Mostrar registro completo

Título: A AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E O MODISMO GERENCIAL EM UMA UNIVERSIDADE FEDERAL BRASILEIRA
Autor: Pinto, Juliana de Fátima; Behr, Ricardo Roberto
Resumo: Este artigo tem como objetivo compreender como a avaliação de desempenho vem sendo realizada em uma universidade federal brasileira a partir do entendimento dos servidores técnico-administrativos em educação (TAE) com mais de dez anos prestados à instituição. Os dados empíricos foram produzidos por meio de pesquisa documental e entrevistas semiestruturadas. Utilizou-se a análise de conteúdo de Bardin (2006) para o tratamento dos dados. Após a categorização das entrevistas foi possível observar que a avaliação de desempenho utilizada na instituição é um modismo gerencial, há uma falta de habilidade por parte dos servidores em lidar com atual sistema de avaliação, os servidores sentem-se insatisfeitos com a avaliação, existe uma grande dificuldade em avaliar os colegas de trabalho e não houve melhorias no serviço público após a implementação da avaliação. Pode-se ainda concluir que a avaliação de desempenho não trás contribuições para o trabalho dos TAE e tampouco ajuda a melhorar serviços prestados à sociedade.
URI: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/114891
Data: 2013-11-27


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
2013164 - A ava ... desempenho e o modismo.pdf 272.6Kb PDF Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar