Natureza e liberdade: os fundamentos da causalidade em Kant

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Natureza e liberdade: os fundamentos da causalidade em Kant

Mostrar registro completo

Título: Natureza e liberdade: os fundamentos da causalidade em Kant
Autor: Silva, Luciano Vorpagel da
Resumo: O objetivo desta tese é mostrar como a filosofia crítica de Kant fundamenta o conceito de causalidade, tendo em vista a ótica da natureza e da liberdade. Nessa direção, três hipóteses serão ensaiadas: a) considerando somente a natureza, há uma causalidade mecânica que determina todos os acontecimentos no mundo; b) partindo da conciliação crítica entre natureza e liberdade, na cosmologia, a razão pura determina a causalidade inteligível para seres dotados de livre-arbítrio; c) partindo da consciência da lei moral, a razão prática determina a causalidade moral para seres dotados de livre-arbítrio. A primeira é de total relevância para a ciência da natureza. A segunda surge para atender a uma exigência prática da razão, mas depende completamente da terceira para ser realizada. Ora, este é um trabalho que reconstrói os principais argumentos de Kant que permitem mostrar os fundamentos da existência, da relação possível e da diferenciação necessária entre esses três tipos de causalidade.<br>Abstract : The aim of this thesis is to show how the critical philosophy of Kant founded the concept of causality, considering the perspective of nature and freedom. In this direction, three hypotheses will be tried: a) considering only the nature, there is a mechanical causality which determines all the events in the world; b) starting from the critical conciliation of nature and freedom, in the cosmology, the pure reason determines the intelligible causality to beings endowed with free will; c) starting from the consciousness of the moral law, the practical reason determines the moral causality to beings endowed with free will. The first one is of utmost importance to the science of nature. The second one arises to answer a practical exigency of reason, but it depends completely of the third one to be held. Now, this is a work that reconstructs the main arguments of Kant that allow for displaying the foundations of the existence, possible relation and differentiation required between these three kinds of causality.
Descrição: Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Filosofia, Florianópolis, 2016.
URI: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/167667
Data: 2016


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
341896.pdf 1.115Mb PDF Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Busca avançada

Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar