Evidências de validade e precisão de um instrumento de avaliação de afeto em atletas lesionados

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Evidências de validade e precisão de um instrumento de avaliação de afeto em atletas lesionados

Mostrar registro completo

Título: Evidências de validade e precisão de um instrumento de avaliação de afeto em atletas lesionados
Autor: Crispim, Ana Carla
Resumo: Este estudo teve por objetivo buscar evidências de validade e precisão de um instrumento de avaliação de afeto em atletas lesionados. Para isso, buscou: caracterizar a dimensionalidade do construto afeto no âmbito das pesquisas da área do esporte e do exercício; construir um instrumento de medida de afeto para atletas lesionados; identificar evidências de precisão do instrumento de medida de afeto; obter evidências de validade convergente do instrumento de medida de afeto com a escala de afetos positivos e negativos (PANAS); relacionar variáveis sobre o perfil do atleta - sexo, idade, tempo de prática na modalidade e afeto, referidas no instrumento de medida de afeto e; verificar evidências de validade preditiva do afeto com variáveis relacionadas a lesão. A pesquisa foi descritiva-exploratória, com método correlacional. Primeiramente, foi realizada uma revisão extensa nacional e internacional acerca do construto afeto, com objetivo de identificar seus conceitos, sua dimensionalidade e formas de mensuração. Foi escolhido estudar o afeto por meio da teoria do circumplexo, em que são propostas 2 dimensões e 3 categorias que refletem as combinações dessas dimensões. O instrumento foi construído com base na estrutura do diferencial semântico com uma escala de 7 pontos. Foi realizado um estudo-piloto com 12 atletas, sendo levantados 15 comentários sobre do instrumento. A versão final do instrumento contou com 26 pares de adjetivos. Após o estudo-piloto foram buscadas as evidências de validade de estrutura interna do construto por meio de procedimentos de análise fatorial com 330 atletas. A estrutura do construto foi confirmada parcialmente mas mantendo as categorias propostas pelo modelo teórico. As evidências de precisão do instrumento foram satisfatórias. As evidências de validade por convergência foram insatisfatórias, uma vez que foram encontradas correlações fracas a moderadas entre os escores dos fatores do instrumento de medida com a PANAS. Sobre as evidências de validade baseadas nas variáveis externas, foram encontradas diferenças significativas entre as médias de pontuações nos escores da categoria 2 e 3 do instrumento de afeto e na dimensão de afeto negativo da PANAS entre atletas lesionados e não-lesionados. Essa relação foi encontrada também, de forma fraca, entre o número de lesões nos últimos 6 meses e a pontuação na categoria 3.<br>Abstract: This study aimed to find validity and reliability evidences of an assessment tool about affect in injured athletes. For this, it sought: to characterize the dimensionality of the affect construct within the research in sport and exercise area; to build a measurement tool of affect for injured athletes; to identify reliability evidence of the assessment tool of affect; to obtain convergent validity evidence of convergent of the affect assessment tool and the Positive and Negative Affect Scale (PANAS); to relate variables of the athlete's profile - sex, age, sport and practice time with affect variables, referred affect assessment tool; to verify predictive validity evidence of the affect variables related to injury. The research was descriptive and exploratory, with correlational procedures. The total sample consisted of 333 athletes. Firstly, a national and international extensive review about the affect construct was performed in order to identify their concepts, their dimensionality and their measurement methods. After that, the circumplex theory was chosen to the study of affect, in which two dimensions and three categories are proposed. The three categories are a reflection of the combinations of these dimensions. The assessment tool was constructed based on the structure of the semantic differential with a 7-point scale. The pilot study was conducted with 12 athletes, being raised 15 comments in total. The final version of the tool included 26 pairs of adjectives. After the pilot study, the assessment tool was applied with 330 athletes to search validity evidence based on on internal structure through factor analysis procedures. The structure of the construct was partially confirmed, with variation in the structure of some items, but keeping the categories proposed by the theoretical model. Reliability evidence of the tool were considered satisfactory. Convergent validity evidence were not satisfactory, since it was found weak to moderate correlations between the scores of the factors of the assessment tool with the PANAS. On the validity evidence based on external variables, significant differences were found between mean scores on scores of category 2 and 3 of affect assessment tool and the negative affect dimension of PANAS between injured and non-injured athletes, which is evidence that injured athletes may feel more unpleasant affect before competition. This relationship was also found, weakly, between the number of injuries in the last six months and the score in the category 3.
Descrição: Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Psicologia.
URI: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/129658
Data: 2014


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
329989.pdf 1.224Mb PDF Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Busca avançada

Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar