Efeito alelopático do extrato aquoso de crotalária (Crotalaria spectabilis roth, família Fabaceae) sobre plantas daninhas e cultivadas, em condições de laboratório

DSpace Repository

A- A A+

Efeito alelopático do extrato aquoso de crotalária (Crotalaria spectabilis roth, família Fabaceae) sobre plantas daninhas e cultivadas, em condições de laboratório

Show simple item record

dc.contributor Universidade Federal de Santa Catarina pt_BR
dc.contributor.advisor Guerra, Naiara
dc.contributor.author Scartezini, Lucas Ogliari
dc.date.accessioned 2021-04-22T15:12:28Z
dc.date.available 2021-04-22T15:12:28Z
dc.date.issued 2020-06-18
dc.identifier.uri https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/222410
dc.description TCC (graduação)- Universidade Federal de Santa Catarina. Campus Curitibanos. Agronomia. pt_BR
dc.description.abstract O número de casos de resistência de plantas daninhas a herbicidas aumenta ano após ano nas áreas destinadas a produção de grãos. A diversificação dos métodos de controle de plantas daninhas é a estratégia que mais contribui para a diminuição desta problemática, aumentando a sustentabilidade dos sistemas de produção. O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial alelopático de Crotalaria spectabilis sobre plantas daninhas e cultivadas, com intuito de ampliar seu uso como cobertura verde, compondo uma estratégia de diversificação. O experimento foi realizado em laboratório, em delineamento inteiramente casualizado e contou com dois tratamentos, sendo eles ‘com extrato de C. spectabilis’ e ‘sem extrato de C. spectabilis’, sobre quatro espécies de plantas daninhas, sendo elas a buva (Conyza spp.), leiteiro (Euphorbia heterophylla), picão-preto (Bidens pilosa) e corda-de-viola (Ipomoea grandifolia) e três espécies cultivadas como a soja (Glycine max), milho (Zea mays) e trigo (Triticum aestivum). O extrato foi obtido através da agitação de 50g de parte aérea de C. spectabilis triturada com 950 mL de água, chegando a concentração de 5%, passando por posterior filtragem. Foram avaliados a porcentagem de germinação aos sete e 14 dias após semeadura (DAS) e o comprimento de plântulas aos 21 DAS. As culturas, além de não terem sua porcentagem de germinação afetada pelo extrato, apresentaram maior comprimento de plântulas. O leiteiro e a corda-de-viola não sofreram alteração na porcentagem de germinação e responderam de maneira distinta à presença do extrato em relação ao comprimento, apresentando menor e maior crescimento, respectivamente. Tanto a porcentagem de germinação quanto o comprimento de plântulas de picão-preto foram menores quando em contato com o extrato. A buva teve sua germinação incrementada pelo extrato, enquanto o comprimento de plântulas não pôde ser determinado pelo reduzido tamanho das plântulas aos 21 DAS, impossibilitando medições precisas. O uso de C. spectabilis como planta de cobertura pode auxiliar no controle de algumas espécies de plantas daninhas. Salienta-se que sua eficiência é variável, pois os compostos alelopáticos são resultado do metabolismo secundário das plantas e este é muito influenciado pelo ambiente, explicando os resultados controversos encontrados na literatura. pt_BR
dc.description.abstract The number of cases of weed resistance to herbicides increases year after year in fields intended for grain production. The diversification of weed control methods is a strategy that most contributes to reduce this problem, increasing the sustainability of production systems. The objective of this work was to evaluate the allelopathic effect of Crotalaria spectabilis on weeds and crop plants, with the aim of expanding its use as a green cover, composing a diversification strategy. The experiment was conducted in a laboratory, in a completely randomized design and had two treatments, being 'with C. spectabilis extract' and 'without C. spectabilis extract', on four weed species including hairy fleabane (Conyza spp.), mexican fireplant (Euphorbia heterophylla), blackjack (Bidens pilosa) and little bell (Ipomoea grandifolia) and three crop species, including soy (Glycine max), corn (Zea mays) and wheat (Triticum aestivum). The extract was obtained by shaking 50g of aerial part of C. spectabilis ground with 950mL of water, reaching a concentration of 5% and then filtering. The evaluations were the germination percentage at seven and 14 days after sowing (DAS) and the seedling length at 21 DAS. The crops, beyond not having their germination percentage reduced by the extract, had a longer seedling length. The mexican fireplant and the little bell did not suffered changes in the germination percentage and responded differently to the presence of the extract in relation to the seedling length, presenting less and greater growth, respectively. Both the percentage of germination and the seedling length of blackjack were lower when in contact with the extract. Hairy fleabane had its germination increased by the extract, while the seedling length could not be determined by the small size of the seedlings at 21 DAS, making it difficult to make precise measurements. The use of C. spectabilis as a cover plant can help to control some of the weed species. It should be noted that the efficiency of control is variable, since allelopathic compounds are the result of secondary metabolism in plants and it is highly influenced by the environment, explaining the controversial results found in the literature. pt_BR
dc.format.extent 34 pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Curitibanos, SC pt_BR
dc.rights Open Access en
dc.subject Alelopatia pt_BR
dc.subject Plantas daninhas pt_BR
dc.subject Diversificação pt_BR
dc.subject Cobertura verde pt_BR
dc.title Efeito alelopático do extrato aquoso de crotalária (Crotalaria spectabilis roth, família Fabaceae) sobre plantas daninhas e cultivadas, em condições de laboratório pt_BR
dc.type TCCgrad pt_BR


Files in this item

Files Size Format View Description
TCC_Lucas Scartezini_versão_final_pdfa.pdf 1.117Mb PDF View/Open TCC_Lucas_Scartezini

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Compartilhar