Atributos químicos e frações granulométricas da matéria orgânica do solo sob sistemas de cultivo de cebola

DSpace Repository

A- A A+

Atributos químicos e frações granulométricas da matéria orgânica do solo sob sistemas de cultivo de cebola

Show full item record

Title: Atributos químicos e frações granulométricas da matéria orgânica do solo sob sistemas de cultivo de cebola
Author: Ferreira, Lucas Borges
Abstract: Práticas convencionais de manejo do solo, por degradarem os atributos edáficos, têm sido questionadas. Neste contexto, sistemas de manejo do solo com bases conservacionistas por utilizarem cobertura permanente do solo aliados a sucessão ou rotação de culturas mantêm ou melhoram esses atributos. Objetivou-se avaliar a influência de diferentes espécies de plantas de cobertura em sistemas de cultivo de cebola sob sucessão ou rotação de culturas sobre os atributos químicos e as frações da matéria orgânica do solo (MOS) nos agregados do solo e na terra fina seca ao ar (TFSA). O experimento foi implantado em abril de 2007 em um Cambissolo Húmico, em Ituporanga, Santa Catarina (SC), com oito tratamentos: T1 - sucessão cebola/milho em sistema plantio direto (SPD); T2 - rotação comercial com cobertura de inverno e cebola bienal em SPD; T3 - rotação milho/gramíneas de inverno e cebola em SPD; T4 - sucessão leguminosa de verão e cebola anual em SPD; T5 - rotação gramíneas de verão/inverno e cebola anual em SPD; T6 - sucessão leguminosa de verão/gramínea inverno e cebola anual em SPD; T7 - sucessão milho/cebola em sistema de preparo convencional (SPC); T8 - sucessão coquetel de coberturas de verão e cebola anual em SPD. Em julho de 2014, coletaram-se amostras indeformadas de solo nas camadas de 0-5, 5-10 e 10-20 cm. Destas amostras obteve-se os agregados do solo e a TFSA. Nestes quantificou-se o carbono orgânico total (COT), o nitrogênio total (NT), os atributos químicos do solo e realizou-se o fracionamento granulométrico da MOS. O revolvimento do solo e a sucessão milho/cebola em SPC reduziu os teores de COT, COp, COam, NT, Np, Nam tanto nos agregados como na TFSA quando comparado ao SPD com o uso de plantas de cobertura em sucessão e rotação com a cebola. O uso de mucuna preta e centeio em sucessão aumentou, de maneira geral, os teores de COT, NT, K, P, COp, COam Np, Nam tanto nos agregados como na TFSA quando comparado com a sucessão com somente gramíneas ou somente leguminosas. O uso de plantas de cobertura de diferentes famílias botânicas, principalmente coquetel de espécies no verão e sucessão de leguminosa no verão e gramínea no inverno, de maneira geral, incrementou os atributos químicos do solo e a MOS tanto nos agregados como na TFSA. De maneira geral, na TFSA observou-se maiores valores de COT, NT, COp, Np, Ca e K quando comparado com os agregados do solo. Já nos agregados do solo observou-se maiores índices de acidez do solo, com menores valores de pH, maiores de H+Al e Al, maiores valores de P e Mg em comparação a TFSA. As principais mudanças decorrentes dos sistemas de manejos adotados e do uso das diferentes combinações de plantas de coberturas utilizadas foram observadas através da análise da matéria orgânica particulada, principalmente nos agregados do solo.Abstract : Conventional practices of soil management, by degrading soil attributes, have been questioned. In this context, soil management systems with conservationist bases that use permanent soil coverage allied to succession or crop rotation maintain or improve these attributes. The objective of this study was to evaluate the influence of different species of cover plants in onion systems under succession or crop rotation on chemical attributes and soil organic matter fractions (SOM) in soil aggregates and in dry fine soil at air (bulk soil). The experiment was implemented in April 2007 in a Humic Cambisol, in Ituporanga, Santa Catarina (SC), with eight treatments: succession of onion and maize in no-tillage system (NTS) (T1); rotation of soil cover plants (winter), and biennial onion in NTS (T2); rotation of maize, winter grasses, and annual onion in NTS (T3); succession of velvet bean, and annual onion in NTS (T4); rotation of millet, soil cover plants (winter), and annual onion in NTS (T5); succession of velvet bean, rye, and annual onion in NTS (T6); succession of maize, and onion in conventional tillage system - CTS (T7); succession of intercrops of soil cover plants (summer), and annual onion in NTS (T8). In July 2014, undisturbed soil samples were collected in the 0-5, 5-10 and 10-20 cm layers. From these samples, the soil aggregates and the bulk soil were obtained. The total organic carbon (TOC), total nitrogen (TN), soil chemical attributes and the granulometric fractionation of the SOM was quantified. Periodic soil turning (CTS) in the succession of maize, and onion (T7) reduces TOC, particulate organic carbon (POC), organic carbon associated with minerals (OCam), TN, particulate nitrogen (PN), nitrogen associated with minerals (Nam) both in the aggregates and the TFSA when compared to NTS with the use of cover plants in succession and crop rotation with onion. The use of velvet bean and rye in succession increased in general the contents of TOC, TN, K, P, POC, OCam PN, Nam both in the aggregates and bulk soil when compared to the sequence with only grasses or only legumes. The use of cover crops of different botanical families, mainly intercrops of soil cover plants summer, and succession of legumes in summer and grasses in winter, in general, increased the chemical attributes of the soil and SOM both in the aggregates and bulk soil. In general, higher values of TOC, TN, POC, PN, Ca and K were observed in bulk soil when compared to soil aggregates. In the soil aggregates, higher soil acidity indexes were observed, with lower pH values, higher H + Al and Al, higher P and Mg values compared to bulk soil. The main changes resulting from the management systems adopted and the use of the different combinations of cover plants used were observed through the analysis of particulate organic matter, mainly in the soil aggregates.
Description: Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Agroecossistemas, Florianópolis, 2018.
URI: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/193612
Date: 2018


Files in this item

Files Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Compartilhar