Desenvolvimento de Argamassas com Adição de Poliestireno Expandido

DSpace Repository

A- A A+

Desenvolvimento de Argamassas com Adição de Poliestireno Expandido

Show simple item record

dc.contributor Universidade Federal de Santa Catarina pt_BR
dc.contributor.advisor Bennack, Valéria
dc.contributor.author Pires, Raíza
dc.date.accessioned 2017-12-06T13:41:43Z
dc.date.available 2017-12-06T13:41:43Z
dc.date.issued 2017-11-24
dc.identifier.uri https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/181762
dc.description TCC (Engenharia de Infraestrutura) - Universidade Federal de Santa Catarina. Campus Joinville. Engenharia de Infraestrutura. pt_BR
dc.description.abstract O poliestireno expandido (EPS), popularmente conhecido como Isopor, tem conquistado seu espaço em meio à construção civil quando o tema é o uso materiais inovadores que possibilitam propriedades específicas as diferenciadas. Esse polímero é disponibilizado em diversas formas no mercado consumidor: desde embalagens, chapas para isolamento térmico de estruturas ou componentes, na composição de lajes, drenagem e também como material agregado em compósitos cimentícios (argamassa ou concreto). Argamassas possuem uma composição muito semelhante ao concreto, diferenciando-se, em geral, apenas pela ausência de agregado graúdo. O objetivo deste trabalho é apresentar os comportamentos mecânicos e físicos de uma estrutura em matriz cimentícia utilizando EPS na forma de pérolas como substituto parcial de agregado. A obtenção dos resultados foi possível após a confecção de corpos de prova prismáticos em argamassa de EPS sujeitos a ensaios em conformidade com as normas regulamentadoras. Os ensaios laboratoriais mecânicos realizados foram de resistência à compressão e flexão. As avaliações dos comportamentos físicos realizados foram quanto aos ensaios de porosidade aberta, densidade aparente, absorção de água por capilaridade e carbonatação. Seu uso oferece uma redução no peso final, porém em contrapartida, também reduz a resistência mecânica devido ao aumento do número de vazios, e consequentemente, aumento da capacidade absorção de água. pt_BR
dc.description.abstract Expanded polystyrene (EPS) commonly known as Styrofoam has conquered a position between construction when the subject is developing new materials with new properties. This polymer is available in many different ways on the consumer market: from packages, thermal insulation sheets for structures, slabs, drainage and as an agreggate in cement composite (mortar or concrete). Mortar and concrete have similar composition except that concrete uses aggregates with bigger granulometry. The objective of this thesis is to present the mechanical and physical behavior in a cement matrix structure using EPS pearls a partial substitute of agreggate. The mechanical and physical behavior was measured after making EPS mortar specimen and submitting them to laboratory tests according to regulatory norms. The laboratory test to evaluate machanical behavior were bending and compression resistance. The tests to measure the physical behavior are open porosity, apparent density, water absorption and carbonation and lastly thermal conductivity. The use of this material decreases the final weight and also reduces the mechanical resistance because increases the number of voids and consequently increases the water absorption. pt_BR
dc.format.extent 52 f. pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Joinville, SC pt_BR
dc.subject Argamassa pt_BR
dc.subject Poliestireno Expandido pt_BR
dc.subject Argamassa leve pt_BR
dc.title Desenvolvimento de Argamassas com Adição de Poliestireno Expandido pt_BR
dc.type TCCgrad pt_BR
dc.contributor.advisor-co Senff, Luciano


Files in this item

Files Size Format View Description
Argamassa de EPS_Raiza Pires.pdf 1.590Mb PDF View/Open Devenvolvimento de argamassas com adição de poliestireno expandido.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Compartilhar