Referenciais teóricos e metodológicos para a prática do design thinking na educação básica

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Referenciais teóricos e metodológicos para a prática do design thinking na educação básica

Mostrar registro completo

Título: Referenciais teóricos e metodológicos para a prática do design thinking na educação básica
Autor: Reginaldo, Thiago
Resumo: O design thinking tem sido aplicado na educação básica em diversos países do mundo, inclusive no Brasil. Todavia, muitas dessas práticas documentadas com caráter experiencial empírico estão apresentadas em sites e redes sociais. Uma análise da prática educativa do design thinking, em seu caráter teórico e metodológico, torna-se necessária para compreender quais são suas manifestações intrínsecas na relação com a Educação. Portanto, o objetivo deste trabalho é conhecer os referenciais teóricos e metodológicos que intervêm na prática do design thinking na educação básica. Para alcançar este objetivo realizou-se uma jornada científica exploratória com as técnicas de revisão sistemática, estudo de caso, entrevista com especialistas, observação participante e análise de conteúdo. As etapas desenvolvidas envolveram: (1) duas observações participantes em oficinas de design thinking; (2) entrevistas com quatro especialistas que desenvolvem trabalhos no Brasil na área de design thinking na educação; (3) revisão sistemática em quatro bases de dados internacionais; e (4) descrição de dez iniciativas de design thinking na educação básica brasileira. A partir disso foi possível apresentar três esquemas conceituais (processo histórico, modelo teórico e referenciais teóricos e metodológicos) e os componentes das variáveis metodológicas da intervenção nas atividades de design thinking na Educação Básica. Como resultado dos referenciais teóricos foi verificado que o design thinking apresenta a função social de formação integral, que seus conteúdos e objetivos se relacionam com todas as capacidades (conceituais, atitudinais e procedimentais), e que a concepção de aprendizagem é construtivista atrelada à diversidade dos sujeitos e ao conhecer-na-ação/conhecer-na-reflexão. No que tange aos componentes das variáveis metodológicas o valor da ação é dada pelos sujeitos envolvidos que se tornam protagonistas do processo educativo e utilizam técnicas e habilidades que são complexas de avaliar, mas, que precisam ser avaliadas. Sugere-se, então, um modo formativo de avaliação por meio de diferentes instrumentos de registro.<br>Abstract : The design thinking has been applied in K-12 education in several countries, including Brazil. However, many of these practices documented with empirical experiential character are presented on websites and social networks. An analysis of the educational practice of design thinking in its theoretical and methodological nature, it is necessary to understand what their intrinsic manifestations in relation to Education. Therefore, the aim of this work is to understand the theoretical and methodological references that intervene in the practice of design thinking in K-12 education. To accomplish this there was a scientific exploratory journey with the techniques of systematic review, case studies, interviews with experts, participant observation and content analysis. Developed steps involved: (1) two participating observations in design thinking workshops; (2) interviews with four experts who work in Brazil in design thinking area in education; (3) systematic review of four international databases; and (4) a description of ten design thinking initiatives in the Brazilian K-12 education. From this it was possible to present three conceptual schemes (historical process, theoretical model and theoretical and methodological references) and the components of the methodological variables of intervention in design thinking activities in K-12 education. The theoretical result was found that design thinking has the social function of integral formation, their contents and objectives relate to all the capabilities (conceptual, procedural and attitudinal), and that the conception of learning is constructivist linked to the diversity of the subjects and to know-in-action /know-in -reflection. With regard to the components of methodological variables the action value is given by the subjects involved to become protagonists in the educational process and use techniques and skills that are complex to assess, but that need to be evaluated. It is suggested, then a formative evaluation mode through different recording instruments.
Descrição: Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2015.
URI: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/135486
Data: 2015


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
334718.pdf 3.698Mb PDF Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar