Competitividade e segmentação na indústria cervejeira: uma análise da competitividade das microcervejarias catarinenses

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Competitividade e segmentação na indústria cervejeira: uma análise da competitividade das microcervejarias catarinenses

Mostrar registro completo

Título: Competitividade e segmentação na indústria cervejeira: uma análise da competitividade das microcervejarias catarinenses
Autor: Cunha, Tiago Vargas da
Resumo: O presente estudo consiste na análise dos fatores determinantes da competitividade das microcervejarias catarinenses. Para a análise foram utilizados dados de questionários aplicados em cinco microcervejarias de Santa Catarina. São apresentados, como base teórica, os conceitos de segmentação da indústria, competitividade e seus fatores determinantes, estruturas de mercado, padrões de concorrência, estratégias competitivas, além de uma breve apresentação do modelo das cinco forças de Porter para a análise estrutural de uma indústria. A indústria cervejeira é apresentada nos seus processos produtivos, matérias-primas e tipos de cerveja. Além disso, a estrutura do mercado mundial e nacional é descrita, destacando o dinamismo da indústria e o aumento, nos últimos anos, do número de microcervejarias no Brasil e em países como os Estado Unidos, sendo essas pequenas cervejarias pertencentes a um crescente segmento dentro da indústria cervejeira. Além disso, o mercado brasileiro de cerveja vem crescendo nos últimos anos, e, dentro desse mercado, as cervejas sofisticadas começam a ganhar importância, com destaque pelas produzidas por cervejarias artesanais. Santa Catarina se destaca nacionalmente por esse #movimento microcervejeiro#, sendo que algumas de suas microcervejarias têm reconhecimento nacional e mundial, por produzirem cervejas de qualidade superior. Pela análise dos questionários respondidos, as microcervejarias catarinenses se posicionam no mercado através de estratégias de diferenciação dos seus produtos com foco na qualidade, de possuir um mercado consumidor forte de suas cervejas na sua região, e, ainda de contar com incentivos fiscais do Estado de Santa Catarina para a produção de chope e cervejas artesanais
Descrição: TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Econômia
URI: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/121101
Data: 2011


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
299002.pdf 1.135Mb PDF Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar