A inserção das famílias no tratamento e recuperação de usuários de drogas na clínica caminho do sol: a ação do assistente social

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

A inserção das famílias no tratamento e recuperação de usuários de drogas na clínica caminho do sol: a ação do assistente social

Mostrar registro completo

Título: A inserção das famílias no tratamento e recuperação de usuários de drogas na clínica caminho do sol: a ação do assistente social
Autor: Petry, Eliane Maria
Resumo: Este Trabalho de Conclusão de Curso aborda como tema central #A inserção das famílias no tratamento e recuperação de usuários de drogas na Clínica Caminho do Sol#, delimitado em um estudo sobre #A ação do assistente social#. A finalidade do presente trabalho está centrada na compreensão dos aportes teóricos que dão sustentabilidade ao tema em questão, propõe atualizar a apreensão sobre a Política Nacional Antidrogas (PNAD), fazendo uma leitura crítica acerca de tal política, mapeando também as iniciativas no âmbito do Estado de Santa Catarina, bem como o Programa de Redução de Danos (PRD), como estratégia para redução dos danos causados pelo consumo de drogas. Outro fator elencado no estudo refere-se ao consumo de drogas na sociedade contemporânea, realizando uma interpretação da realidade em que se inserem os dependentes químicos e seus familiares. Com efeito, uma temática a ser destacada refere-se às famílias em meio ao consumo de drogas, apresentando a contribuição da teoria sistêmica no tratamento de dependentes químicos. São também apresentadas as atividades que subsidiam as ações do profissional de Serviço Social, com o intuito contribuir para se organizar o processo de trabalho, sabendo que tais ações foram devidamente sistematizadas e apreendidas para dar conta do projeto de intervenção inicialmente elaborado para a instituição. Através da descrição e análise da experiência vivenciada durante o estágio curricular obrigatório, será possível fazer uma aproximação de como o Serviço Social intervém, através do Processo Sócio-Assistencial que privilegia as ações sócio-educativas, para dar conta das necessidades dos usuários, sobretudo de seus familiares, no sentido de instrumentalizá-los, sensibilizá-los e orientá-los para lidar com a situação/problema. Ao final deste estudo, pretende-se apontar os resultados obtidos no decorrer da intervenção junto às famílias, as dificuldades que permearam o processo de trabalho e intervenção, bem como os desafios postos para o profissional de Serviço Social. Será apresentada também a justificativa da necessidade da inserção do Assistente Social em uma equipe multidisciplinar, articulando o recorte do social na direção da promoção da saúde e melhoria na qualidade de vida dos usuários
Descrição: TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Serviço Social.
URI: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/118501
Data: 2005


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
286846.pdf 692.5Kb PDF Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar