Conceito de razão em Horkheimer

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Conceito de razão em Horkheimer

Mostrar registro completo

Título: Conceito de razão em Horkheimer
Autor: Santos, Nadson Silva dos
Resumo: A presente dissertação sobre o tema "Conceito de razão em Horkheimer" discute em Max Horkheimer o conceito de razão e mostra, a partir de suas obras, a possibilidade de emancipação do indivíduo e da sociedade pelo esclarecimento. A partir de suas obras puderam-se identificar as diferenças fundamentais entre a Teoria Crítica e a Teoria Tradicional a partir de dois métodos do conhecimento que traduzem as ciências da operação na aplicação de sua prática mercadológica. A crítica operada pela razão é nesse sentido a ferramenta principal para a construção do diagnóstico sobre o mundo contemporâneo e as situações em que o capitalismo e a economia, através das atividades das ciências especializadas com seu método gnosiológico atrelado à indústria realizam a dominação das sociedades. Os processos isolados do conhecimento da teoria tradicional da modernidade afetam diretamente às relações sociais reais do mundo contemporâneo, por isso a necessidade de investigar o funcionamento da razão tanto nas relações de meios quanto aos fins determinados à emancipação das sociedades. A metafísica, as religiões não oferecem uma verdade objetiva para a compreensão de seu destino sem barbárie, sem opressão. A ilusão do positivismo e a lógica formal não podem cumprir tal empreendimento. Por meio da análise da lógica dialética é possível perceber o conceito de razão e as contradições do modo de funcionamento da racionalidade instrumental desenvolvida em todo percurso histórico, desde a formação e modos de comportamento do indivíduo burguês no período da mitologia a contemporaneidade. Em consequência, Horkheimer reconhece em seus trabalhos a possibilidade de uma sociedade emancipada pela própria natureza da razão verdadeiramente reconciliada com a orientação do esclarecimento, livre das injustiças sociais. <br>This dissertation entitled ?Concept of reason in Horkheimer? discusses in Max Horkheimer the concept of rationality and presents the possibility of the individual and social emancipation by clarification. From his works, fundamental differences could be identified between Critical and Traditional Theories, two methods of knowledge that translate the science operation in the implementation of marketing practice. The critical assumption is structured on reason, the main tool for a construction of the diagnosis on the contemporary world and about the situations in which capitalism and economy, through the activities of specialized sciences with gnosiologic method tied to the industry, dominate society. The isolated processes of knowledge of the traditional theory of modernity directly affect the actual social relations in the contemporary world, so the necessity to investigate the operation of reason in the relations of environments and the purposes in certain societies emancipation. In metaphysics, religion does not offer an objective truth to the understanding of their destination without barbarism or oppression. The illusion of positivism and formal logic cannot fulfill such an endeavor. Through an analysis of the dialectical logic, it is possible to understand the concept of reason and the contradictions of the operating mode of instrumental rationality developed around a historical journey from the formation and types of bourgeois individual behavior during the period of mythology up to contemporaneity. Therefore, Horkheimer recognizes in his works the possibility of an emancipated society by the very nature of reason truly reconciled with the guidance of enlightenment, free of social injustices.
Descrição: Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Filosofia, Florianópolis, 2013.
URI: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/107484
Data: 2013


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
319123.pdf 749.9Kb PDF Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar