Da alienação à semiformação: considerações acerca da juventude contemporânea e educação através das obras de Karl Marx e Theodor W. Adorno

DSpace Repository

A- A A+

Da alienação à semiformação: considerações acerca da juventude contemporânea e educação através das obras de Karl Marx e Theodor W. Adorno

Show full item record

Title: Da alienação à semiformação: considerações acerca da juventude contemporânea e educação através das obras de Karl Marx e Theodor W. Adorno
Author: SILVA, BRUNA AVILA DA
Abstract: Este artigo tem como objetivo lançar luz à importante relação entre educação e política, procurando compreender, na figura do jovem, a constituição da subjetividade na sociedade contemporânea e as possibilidades de se pensar, hoje, em utopias coletivas. A base empírica para o estudo realizado teve como objeto os eventos contemporâneos protagonizados por jovens tanto nas salas de aula como nas recentes manifestações no mês de junho de 2013, que tomaram as ruas de várias cidades no país, analisando algumas frases e slogans defendidos por parte desses jovens. Nos apropriamos da ideia de utopia não como uma referência a um não lugar, mas a um lugar determinado historicamente, pelo qual os limites do pensamento utópico são ditados. Percorreremos o caminho das obras econômico-filosóficas de Karl Marx e de Theodor W. Adorno, autores que fornecem importantes conceitos, como alienação, reificação e semiformação, respectivamente, para a análise não só do funcionamento de uma sociedade capitalista, mas da compreensão das relações sociais e a constituição psíquica do sujeito nessa sociedade. Para tal, conceitos marxianos como, alienação, fetichismo e conceitos adornianos como, semiformação, indústria cultural, serão considerados nesse trabalho ferramentas conceituais analíticas.This article aims to shed light on the important relationship between education and politics, trying to understand, in the figure of the young, the constitution of subjectivity in contemporary society and the possibilities of thinking today at collective utopias. The empirical basis for the study had as its object the events staged by young contemporaries both in classrooms and in the recent demonstrations in June of 2013, who took to the streets of several cities in the country, analyzing some phrases and slogans espoused by these young people. We appropriate the idea of utopia not as a reference to a non-place, but a place historically determined, whereby the limits of utopian thinking are dictated. We will cross the path of economic and philosophical works of Karl Marx and Theodor W. Adorno, authors provide important concepts such as alienation, reification and erudition, respectively, to analyze not only the functioning of a capitalist society, but the understanding of social relations and psychic constitution of the subject in this society. To do this, Marxist concepts as alienation, fetishism and concepts as Adorno, erudition, culture industry, will be considered in this work analytical conceptual tools.
Description: TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Curso de Ciências Sociais.
URI: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/105031
Date: 2013-06-17


Files in this item

Files Size Format View
Bruna TCL.pdf 530.6Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Compartilhar