Gestão do conhecimento e conflitos interorganizacionais em EAD: construção de uma teoria substantiva

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Gestão do conhecimento e conflitos interorganizacionais em EAD: construção de uma teoria substantiva

Mostrar registro completo

Título: Gestão do conhecimento e conflitos interorganizacionais em EAD: construção de uma teoria substantiva
Autor: Soares, Aline Pereira
Resumo: Este trabalho apresentará a construção de uma teoria substantiva sobre a gestão do conhecimento em situações de conflito em Educação a Distância. O objetivo surge a partir da revisão teórica, ao identificar que boa parte do conhecimento relacionado ao conflito no ambiente interorganizacional e da gestão do conhecimento ainda está balizado por descobertas baseadas em pesquisas antigas. Tal fato é decorrente principalmente do acelerado desenvolvimento tecnológico, social e organizacional (intensificado) dos últimos anos, que ocasionou novos problemas para as organizações, especificamente às que trabalham a distância. Assim, na primeira parte desta pesquisa buscou-se desenvolver os principais conceitos sobre gestão do conhecimento e conflito. A segunda parte do trabalho identifica quais paradigmas teóricos (interpretativista, humanista radical, o estruturalista radical e funcionalista e o paradigma da complexidade) podem nortear a gestão do conhecimento em situação de conflito interorganizacional em um curso na modalidade de educação a distância (EaD). Para atingir os objetivos propostos foi realizado um estudo de casos com a equipe do Projeto Aluno Integrado (PAI), desenvolvido na modalidade de educação a distância (EaD), da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Nele foi utilizado o método da Grounded Theory (GT), por perceber sua relevância para o desenvolvimento de teorias. Os resultados encontrados nessa pesquisa fornecem três bases de análises teóricas: a primeira aponta que o paradigma Interpretativista é o que mais predomina no curso, tendo-se observado como cada entrevistado interpretava a realidade apreendida no Projeto. A segunda, relacionada à primeira, identifica que há poucos sinais de presença do paradigma dos Sistemas Adaptativos Complexos (SAC), uma vez que a equipe utilizou muito pouco os critérios de análise dos SAC´s propostos por Stacey (2006) e Axelrod e Cohen (2000). A terceira gerou, com base na teoria substantiva, um esquema teórico e um quadro que mostram as relações de interação e causa-efeito do conflito e da gestão do conhecimento # permitindo alcançar os objetivos da pesquisa. Uma das conclusões da tese está relacionada à teoria fundamentada em dados que desenvolvida, em que foram observados dois pontos importantes: a identificação de novos motivadores de conflitos, específicos dessa equipe de EaD, a saber: Ambiente virtual/tecnologia; Poucos treinamentos; Projeto Piloto; Autonomia; Infraestrutura; Falta de definição clara de papéis; Comunicação; Divergência de objetivos; Atitudes; Motivação; Liderança; Mudança organizacional; Conscientização; Tamanho do grupo; Ameaças externas; Sentimento de perda; Relacionamento e Estrutura organizacional. Também foi possível identificar a necessidade de inserir a Infraestrutura tecnológica como fator importante no modelo das cinco condições necessárias para promoção da espiral do conhecimento, proposto por Nonaka e Takeuchi (2008). A partir dessa pesquisa, sugere-se que os estudos com equipes que trabalham a distância considerem os novos motivadores de conflito e os aspectos que revisam o modelo da gestão do conhecimento, identificados nessa tese.<br>Abstract : This paper presents the construction of a substantive theory about knowledge management in conflict situations in Distance Education. The objective arises from the theoretical review, to identify that much of the knowledge related to the conflict in interorganizational environment and knowledge management is still buoyed by findings based on old surveys. This fact is mainly due to the rapid technological development, social and organizational (boosted) in recent years, giving rise to new problems for organizations, specifically the working distance. Thus, the first part of this research sought to develop the main concepts of knowledge management and conflict. The second part identifies which theoretical paradigms (interpretive, radical humanist, radical structuralist and functionalist paradigm and complexity) can guide knowledge management in interorganizational conflict in a course in the form of distance education. To achieve the proposed objectives we conducted a case study with the staff of the Integrated Student Project, developed in the form of distance education, Federal University of Santa Catarina (UFSC). In it we used the method of Grounded Theory (GT), by realizing its relevance to the development of theories. The results in this study provide theoretical analyzes of three databases: the first indicates that the interpretive paradigm is the most prevalent in the course, having been observed as each interviewee interpreted the reality apprehended in the Project. The second, related to the first, there is little sign that identifies the presence of the paradigm of Complex Adaptive Systems, since the team used very little analysis criteria proposed by the SAC's Stacey (2006) and Axelrod and Cohen (2000). The third generated based on substantive theory, a theoretical framework and a framework showing the relationships and interaction of cause-effect conflict and knowledge management - allowing you to achieve the research objectives. One of the conclusions of the thesis is related to grounded theory that developed, in which we observed two important points: the identification of new drivers of conflict, such specific team DL, namely: Virtual environment / technology; Few trainings; Pilot , Autonomy; Infrastructure; Lack of clear definition of roles; Communication; divergence of objectives; Attitudes, Motivation, Leadership, Organizational Change; Awareness; Group size; External threats; feeling of loss; Relations and Organizational Structure. It was also possible to identify the need to put the technological infrastructure as an important factor in the model of the five conditions necessary to promote the spiral of knowledge, proposed by Nonaka and Takeuchi (2008). From this research, it is suggested that studies with teams working distance consider the new drivers of conflict and issues revise the model of knowledge management, this thesis identified.
Descrição: Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2012
URI: http://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/100791
Data: 2012


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
317349.pdf 3.056Mb PDF Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar