Suplementação dietética com simbiótico para o híbrido de pintado (Pseudoplatystoma corruscans) e cachara (P. fasciatum)

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Suplementação dietética com simbiótico para o híbrido de pintado (Pseudoplatystoma corruscans) e cachara (P. fasciatum)

Mostrar registro completo

Título: Suplementação dietética com simbiótico para o híbrido de pintado (Pseudoplatystoma corruscans) e cachara (P. fasciatum)
Autor: Mouriño, José Luiz Pedreira
Resumo: O presente trabalho objetivou o isolamento e seleção de bactérias com potencial probiótico para o híbrido resultante do cruzamento entre "pintado", Pseudoplatystoma corruscans e "cachara", Pseudoplatystoma fasciatum, bem como avaliação de diferentes estratégias de aplicação destas bactérias associadas à utilização de prebióticos em dietas comerciais. Na primeira etapa foi isolada e selecionada a cepa Weissela cibaria (CPQBA 001-10 DRM 02) como potencial probiótico após ser avaliada in vitro na inibição de patógenos bacterianos conhecidos para aquicultura e in vivo, colonizando o trato intestinal aumentando o numero total de eritrócitos sanguíneos e alterando a microbiologia do trato intestinal. Após esta etapa foi estudada a inclusão de 0,5 % do prebiótico (Inulina) em dieta comercial, a qual não alterou a estabilidade da dieta e proporcionou aumento na concentração bacteriana inoculada. Na avaliação in vivo, os animais alimentados com as dietas contendo apenas a bactéria probiótica e dieta suplementada com bactéria probiótica e inulina (dieta simbiótica) apresentaram aumento na concentração de imunoglobulina total sérica quando comparados aos animais suplementados somente com inulina e sem suplementação. Na última etapa do projeto após 24 horas da infecção experimental com Aeromonas hydrophila subsp hydrophila, os animais suplementados com W. cibaria apresentaram índices de mortalidade inferiores aos dos grupos controle e tratados com a cepa probiótica para tilápias Lactobacillus plantarum (7,55±3,78; 31,48±9,32 e 33,06±7,94% respectivamente). Foi observado aumento na atividade de lisozima e proteína sérica total nos peixes suplementados em relação aos não suplementados, porém as concentrações de imunoglobulinas totais dos peixes alimentados com simbiótico W. cibaria foram superiores do que as dos peixes suplementados com L. plantarum (8,34±0,19 mg.mL-1 e 7,36±0,95 mg.mL-1). Este produto biotecnológico desenvolvido neste trabalho tem como obetivo melhorar a sanidade no cultivo do surubim híbrido, melhorando os índices de sobrevivência e a imunocompetencia dos peixes.
Descrição: Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Aquicultura, Florianópolis, 2010
URI: http://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/93764
Data:


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
287814.pdf 1.298Mb PDF Thumbnail

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Busca avançada

Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar