Avaliação do impacto da dor presente no exame clínico inicial na escolha futura do tratamento periodontal a ser realizado: estudo em humanos

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Avaliação do impacto da dor presente no exame clínico inicial na escolha futura do tratamento periodontal a ser realizado: estudo em humanos

Mostrar registro completo

Título: Avaliação do impacto da dor presente no exame clínico inicial na escolha futura do tratamento periodontal a ser realizado: estudo em humanos
Autor: Lucchiari Júnior, Newton Bergamaschi
Resumo: Nesta pesquisa, avaliaram-se 62 pacientes que foram divididos de forma randomizada em dois grupos de 31 pacientes cada. Em ambos os grupos foram realizados dois tipos de exame clínico. Um exame, descrito como com dor era o exame clínico periodontal propriamente dito com a sondagem periodontal, através do uso da sonda milimetrada. O outro exame descrito como sem dor era caracterizado por ser um exame clínico tradicional com espelho bucal e sonda exploradora. No grupo 1 foi realizado a seqüência dos exames com dor/sem dor; e no grupo 2, a seqüência dos exames sem dor/com dor. Após a realização de cada exame utilizou-se uma escala numérica com valores entre 0 e 10, para o paciente indicar o nível de dor/desconforto sentido. Em seguida, faziam a escolha de qual seqüência de tratamento periodontal não cirúrgico iriam adotar, se em uma única sessão ou se prefeririam separar o tratamento em duas sessões. Os resultados principais do estudo mostraram que os pacientes tiveram uma tendência significante em não integrar o tratamento periodontal em uma única sessão na medida em que o nível de dor causado pelo exame aumentava [ß = -0.18, SE = .07, P = 0.01].In this research, 62 patients were divided in a random way in two groups of 31 patients each were evaluated. In both groups two kinds of clinical examinations were performed. One examination, described as #with pain was the periodontal clinical examination properly said, with a periodontal probing, through the use of a millimeter probe. The other examination described as #with pain# was characterized because of being a traditional clinical examination with a buccal mirror and explorer probe. In the first group a sequence of examinations #with pain/without pain# was performed, and in the second group, the sequence of exams #without pain/with pain# was performed. After the performance of every examination, a numerical scale with values from 0 to 10 was used, for the patient to indicate the level of pain/discomfort felt. Afterwards, they had to choose which sequence of nonsurgical periodontal treatment they would adopt, if in one single session or if they would prefer to separate the treatment in two sessions. The main results of the study showed that patients had a significant sequence not to include periodontal treatment in a single session as the level of pain caused by the examination was increasing [â = -0.18, SE = .07, P = 0.01].
Descrição: Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-graduação em Odontologia, Florianópolis, 2010
URI: http://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/93733
Data:


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
287041.pdf 1.367Mb PDF Thumbnail

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Busca avançada

Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar