Desenvolvimento e avaliação metrológica de sistema para ensaio de atenuação de ruído de protetores auditivos pelo método subjetivo

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Desenvolvimento e avaliação metrológica de sistema para ensaio de atenuação de ruído de protetores auditivos pelo método subjetivo

Mostrar registro completo

Título: Desenvolvimento e avaliação metrológica de sistema para ensaio de atenuação de ruído de protetores auditivos pelo método subjetivo
Autor: Lima, Fabiano Reikdal
Resumo: Hoje em dia existe uma grande corrida, por parte das empresas para se adequarem às mudanças na área de ruído no meio industrial. As legislações também estão cada vez mais rígidas com relação a este tópico. Sabe-se que o ruído no meio industrial é responsável por grande parte dos problemas relacionados à perda auditiva permanente, e o que se busca é exatamente a redução desse ruído. Porém nem sempre as técnicas de controle de ruído são viáveis financeiramente ou estão disponíveis de imediato, assim a utilização de dispositivos individuais de proteção auricular (protetores auditivos) se apresenta como o método mais comum para a redução de ruído. Dada a necessidade do protetor auditivo, torna-se também necessária a existência de procedimentos normatizados para avaliação e quantificação dessa atenuação de ruído. A norma mais recente para este tipo de ensaio é a ANSI 12.6 de 1997, porém, mesmo com todas as recomendações da norma, ainda existe pouco critério metrológico com relação aos dados dos ensaios e sua confiabilidade. O trabalho em questão encontra-se situado neste contexto na medida em que foi desenvolvido um sistema de medição digital para ensaios de atenuação de ruído de protetores auditivos, satisfazendo a norma ANSI S12.6 (1997). Tal sistema foi avaliado metrologicamente com base no Guia para Expressão da Incerteza de Medição (1997). Foram avaliadas diversas fontes de incerteza presentes no ensaio de atenuação de ruído de protetores auditivos e um modelo para o cálculo da incerteza de medição do ensaio foi proposto. A metodologia apresentada mostrou que as maiores fontes de incerteza estão associadas à variação da resposta do ouvinte. Os resultados obtidos mostram concordância com outras referências bibliográficas. Também é apresentado um estudo de caso no qual a metodologia e os modelos desenvolvidos são aplicados. Finalmente os dados de incerteza levantados no estudo de caso são utilizados no cálculo da incerteza do Nível de Redução de Ruído (NRRSF) como sendo uma possível aplicação do estudo.
Descrição: Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica.
URI: http://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/84780
Data: 2003


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Busca avançada

Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar