Despesas públicas no Estado de Santa Catarina: composição e representatividade

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Despesas públicas no Estado de Santa Catarina: composição e representatividade

Mostrar registro completo

Título: Despesas públicas no Estado de Santa Catarina: composição e representatividade
Autor: Schmitz, Elisa
Resumo: Este estudo de natureza descritiva tem como objetivo principal verificar a composição e a destinação das despesas públicas, por função, nos municípios praianos do Estado de Santa Catarina, no ano de 2009. O estudo multicaso, teve como base principal os dados relativos a classificação funcional das despesas, encontrados na homepage do Portal do Cidadão. O referencial teórico aborda as despesas públicas e sua classificação, dando enfoque para as despesas por função. As análises foram feitas comparando os municípios da amostra, a média dos recursos aplicados em cada função. Os resultados revelaram que, em geral, os municípios ficam muito próximos a média, apontando uma tendência na distribuição dos recursos públicos entre as 28 funções de governo. A análise das despesas por função mostrou um destaque para as funções Educação, Saúde, Administração e Urbanismo, representando 73% do total das despesas realizadas. O investimento acentuado com Educação, justifica-se pelo cumprimento ao limite constitucional mínimo de 25% da Receita de Impostos, enquanto as aplicações na função Saúde, se sobresaem ficando bem acima do seu limite mínimo de 15% da Receita de Impostos.
Descrição: TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Ciências Contábeis.
URI: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/121018
Data: 2011


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
295939.pdf 1.854Mb PDF Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Busca avançada

Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar