A systemic functional approach to experiential meaning construal in agony aunt columns: a case study on two columns of glamour magazine

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

A systemic functional approach to experiential meaning construal in agony aunt columns: a case study on two columns of glamour magazine

Mostrar registro completo

Título: A systemic functional approach to experiential meaning construal in agony aunt columns: a case study on two columns of glamour magazine
Autor: Cardoso, Laylla Donata
Resumo: Nos dias atuais, há uma crescente necessidade de socializar problemas pessoais e, notavelmente, as revistas femininas são um bom veículo para o compartilhamento de experiências. Nesta dissertação, investigo um gênero textual específico em revistas femininas, as colunas de aconselhamento. A função principal dessas colunas é responder e aconselhar leitoras sobre questões pessoais, normalmente relacionadas a problemas conjugais envolvendo sexo e amor, assim como relacionamento entre amigos. Este estudo propõe uma investigação lingüística de duas colunas de aconselhamento publicadas na revista Glamour. O objetivo principal é mostrar como as experiências são representadas nas cartas das leitoras e também nas cartas de aconselhamento. Para esse fim, em uma macro aborgadem, a análise deste gênero textual revela a estrutura esquemática das cartas sob consideração. E, em uma micro abordagem, este estudo examina a representação de experiências realizadas pelas escolhas de transitividade. O arcabouço analítico aplicado a esta pesquisa baseia-se na teoria sistêmico-funcional, principalmente nos estudos de Halliday (1985, 1994) e Halliday & Matthiessen (2004). Os resultados do presente trabalho indicam que: 1) as colunas de aconselhamento publicadas na revista Glamour podem ser consideradas um gênero textual híbrido, no qual as cartas das leitoras apresentam características narrativas, enquanto as cartas de aconselhamento apresentam estrutura exortativa; 2) a análise da transitividade revela que: (i) até mesmo em uma dimensão profissional, as experiências femininas estão relacionadas a emoções e relacionamentos pessoais; (ii) os processos materiais, relacionais e mentais aparecem em maior número, indicando que as experiências são construídas geralmente por representações de ações, relações de atribuição/identidade e compartilhamento de sentimentos/pensamentos; (iii) esses processos associam as experiências femininas aos contextos privado e profissional, à idealização de soluções para os problemas expostos, e à ações abstratas; (iv) as leitoras se representam em papéis passivos, como "vítimas" socialmente oprimidas, visto que a conselheira é representada de maneira autoconfiante, como uma solucionadora de problemas. Os resultados desta pesquisa esperam contribuir para a conscientização dos leitores, estimulando-os a refletir sobre as práticas textuais vigentes, bem como fornecer ferramentas teórico-analíticas para que possam discutir e desvendar significados freqüentemente obscuros nos textos. In contemporary days, there seems to be a growing need to socialize personal problems, and notably, women's magazines appear to be a good vehicle for sharing experiences. In this thesis, I investigate a specific genre in women's magazines, the Agony Aunt Columns, also known as advice columns. The main function of Agony Aunt Columns is to answer readers' letters by providing pieces of advice on personal issues, normally related to love, sex, and relationships in general. The present study proposes a linguistic investigation of two Agony Aunt Columns, published on Glamour magazine. The main objective of this work is to show how experiential meanings are construed in both, advice-seeking and advice-giving letters. For that purpose, at a macro level, a genre analysis reveals the schematic structure of the letters under consideration. And, at a micro level, this study examines the representation of experiential meanings realized by the transitivity choices. The analytical framework applied to this research is based on Systemic Functional theory, mainly on the works of Halliday (1985, 1994) and Halliday & Matthiessen (2004). The results of this study indicate that: 1) Glamour Agony Aunt Columns may be considered an example of hybrid genre, in which advice-seeking letters present narrative features, while advice-giving letters resemble the structure of hortatory text-types; 2) the transitivity analysis of the two Agony Aunt Columns reveals that: (i) even in a workplace dimension, women's experiences are related to emotions and private affairs; (ii) material, relational and mental processes appear in a major number, indicating that women's experiences are construed mostly by representations of actions, relationships of being and sharing of feelings/thoughts; (iii) the processes associate women's experiences with identification in the two contexts (private and professional), idealization (the solutions for their problems), and with abstract and non-abstract actions; (iv) advice-seekers tend to represent themselves in passive roles, as "victims" socially oppressed, whereas the advice-giver is strongly represented as a reliable self-confident problem solver. The findings of this research hope to contribute to raise language awareness, stimulate readers to reflect on textual practices, as well as empowering them with theoretically-oriented analytical tools for discussing and unveiling often hidden textual meanings.
Descrição: Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão. Programa de Pós-Graduação em Letras/Inglês e Literatura Correspondente.
URI: http://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/90111
Data: 2007


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização
238448.pdf 860.9Kb PDF Thumbnail

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar