Análise da instrumentação de aterros sobre solos moles: estudo de caso da obra de duplicação da BR 470

DSpace Repository

A- A A+

Análise da instrumentação de aterros sobre solos moles: estudo de caso da obra de duplicação da BR 470

Show simple item record

dc.contributor Universidade Federal de Santa Catarina pt_BR
dc.contributor.advisor Dienstmann, Gracieli
dc.contributor.author Guesser, Beatriz Koch
dc.date.accessioned 2019-07-12T01:31:05Z
dc.date.available 2019-07-12T01:31:05Z
dc.date.issued 2019-06-28
dc.identifier.uri https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/197494
dc.description TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Tecnológico. Engenharia Civil. pt_BR
dc.description.abstract No presente trabalho apresenta-se o estudo dos solos de baixa resistência e alta compressibilidade presentes trecho da obra de duplicação da rodovia BR-470, entre os municípios de Navegantes e Indaial, no estado de Santa Catarina. Devido à baixa resistência destes solos são comuns problemas relacionados à estabilidade dos aterros durante o período construtivo, assim, necessitando de um acompanhamento e monitoramento das deformações e poropressões geradas. A avaliação dos perfis geológico-geotécnicos da rodovia permitiu caracterizar formações de origem marinha que possuem camada média em torno de 16 m de solo argiloso, variando entre materiais que vão de silte-argilosos a argilas muito moles. Para garantir a estabilidade do aterro e acelerar os recalques foram empregadas soluções como compensação de recalque, sobrecarga, geodrenos, geogrelha e bermas de equilíbrio. As análises foram realizadas para uma seção no lote 02 da obra de duplicação. De acordo com os dados das investigações geotécnicas disponibilizados foram determinados valores para deslocamentos horizontais e verticais. Através de métodos como o dos volumes deslocados e das distorções, foi possível observar valores e compará-los com parâmetros para determinação de estabilidade ou tendência à ruptura. Com a aplicação do método dos volumes chegou-se em valores intermediários entre o estado de estabilidade e a possibilidade de ruptura, indicando que deve haver certa atenção com o carregamento. Alguns dos resultados das análises de estabilidade estão demonstrados em gráficos de deslocamento horizontal, distorções e velocidade de distorções pela sua evolução ao longo do tempo. As taxas de distorção, apresentadas em mm/m nos gráficos, ao transformar em % e comparar seus resultados aos da literatura apresentaram estabilidade e valores de velocidade de distorção também resultaram em valores relativamente baixos comparados ao valor máximo indicado pela literatura. Em gráficos da relação entre a taxa de distorção versus distorção, houve aumento no valor da taxa de distorção até um valor máximo seguido de queda. Enquanto as distorções continuaram aumentando a taxa de distorção estabilizou, indicando um processo de adensamento do solo e consequente segurança para o aterro. pt_BR
dc.description.abstract The present work aims to study the low resistance and high compressibility soils present in the foundation soil of the duplication of the highway BR-470, between Navegantes and Indaial, in Santa Catarina state. Due to the low resistance of those soils, problems related to the landfill’s stability during the construction and operation period are common, thus necessitating a close monitoring of the deformations and generated pressures. The evaluation of the geological-geotechnical profiles of the highway allows to characterize formations of marine origin that have average layer around 16 m of clay soil, varying between thin materials ranging from clayey silt to very soft clay. In order to guarantee the stability of the landfill and to accelerate the settlements, solutions such as compensation of repression, overload, geotextile drains, geogrid and equilibrium berms were employed. The analysis will be performed for a section in lot 02 of the duplication work. According to the geotechnical research data available, values will be determined for horizontal and vertical displacements. Through methods such as displaced volumes and distortions, it was possible to observe values and compare them with parameters to determine stability or tendency to rupture. By the application of the volumes method, we reached intermediate values between the stability state and the possibility of rupture, indicating that there should be paid some attention with the loading. Some of the results of the stability analyses are demonstrated in horizontal displacement graphs, distortions and speed of distortions by their evolution over time. The distortion rates, presented in mm / m in the graphs, when transforming into % and comparing their results to the ones in the literature shows stability; And distortion velocity values also showed relatively low values. In comparisons between distortion and distortion rates, there was an increase in the value of the distortion rate followed by fall and stabilization while distortions continued to increase, indicating a process of soil densification. pt_BR
dc.format.extent 84 pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Florianópolis, SC pt_BR
dc.rights Open Access
dc.subject Solos moles pt_BR
dc.subject Instrumentação pt_BR
dc.subject Deslocamentos Horizontais pt_BR
dc.subject Estabilidade pt_BR
dc.title Análise da instrumentação de aterros sobre solos moles: estudo de caso da obra de duplicação da BR 470 pt_BR
dc.type TCCgrad pt_BR


Files in this item

Files Size Format View Description
TCC_final.pdf 4.869Mb PDF View/Open TCC

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Compartilhar