GESTÃO DOS CAMPI DA UFSC

DSpace Repository

A- A A+

GESTÃO DOS CAMPI DA UFSC

Show simple item record

dc.contributor.author Beck, Gabriela
dc.contributor.author Matos, Roberta de Souza
dc.date.accessioned 2018-10-18T21:27:20Z
dc.date.available 2018-10-18T21:27:20Z
dc.date.issued 2018-10-24
dc.identifier.isbn 978-85-68618-05-9
dc.identifier.uri https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/190672
dc.description.abstract A criação dos campi das universidades federais se tornou mais recorrente com a interiorização universitária a partir da implantação do programa Reuni. Em relação à Universidade Federal de Santa Catarina, foram criados nos últimos anos quatro campi, além da sede localizada em Florianópolis. Tal expansão faz com que aja uma reflexão como a forma que esses campi de Araranguá, Blumenau, Curitibanos e Joinville são geridos. Dessa forma delineou-se como objetivo deste artigo analisar como ocorre a gestão dos Campi da UFSC e como objetivos específicos: conhecer a estrutura da UFSC; identificar as principais diferenças dos centros e dos campis e propor alternativas para aprimorar a gestão dos campis. Trata-se de um estudo de caso de caráter descritivo e natureza qualitativa, que fez uso de pesquisa bibliográfica e análise documental como instrumentos de pesquisa. Os resultados da pesquisa indicam diferenças entre a forma de estruturação e gestão em relação aos campi da sede. Visando reduzir disfunções constatadas propõem-se ações para correção e aprimoramento da gestão dos campi. pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher INPEAU/UFSC pt_BR
dc.title GESTÃO DOS CAMPI DA UFSC pt_BR
dc.type Article pt_BR


Files in this item

Files Size Format View
102_00100.pdf 773.3Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Compartilhar