Efeito do manejo das pastagens hibernais no sistema integração lavoura pecuária no planalto catarinense

DSpace Repository

A- A A+

In 4 minutes: O sistema irá para a manutenção regular. Por favor, salve o seu trabalho e desconecte sua conta.

Efeito do manejo das pastagens hibernais no sistema integração lavoura pecuária no planalto catarinense

Show full item record

Title: Efeito do manejo das pastagens hibernais no sistema integração lavoura pecuária no planalto catarinense
Author: Silveira, Julio César de Andrade
Abstract: O sistema integração lavoura pecuária (ILP), se consolidou nos últimos anos como uma metodologia, na qual possibilita o aproveitamento do sinergismo entre a produção agrícola e pecuária, esse refletindo em formas mais sustentáveis dos meios produtivos, aumentando a complexidade do ambiente e permitindo maiores ganhos de produtividade em grãos, leite e carne. A ILP possui grande importância para a região sul do Brasil, já que a mesma possibilita aos produtores a utilização das áreas agricultáveis no período de entre safra, não somente para a produção de culturas de inverno, mas também para a atividade pecuária, dessa forma adotando a implantação de lavouras com culturas forrageiras hibernais voltadas a alimentação animal, favorecendo além da produção pecuária, a melhoria dos atributos químicos e físicos do solo, controle de doenças e o controle de espécies invasoras. No que diz respeito ao controle de plantas daninhas em uma pastagem, estas espécies além de possuírem elevada agressividade em ambientes favoráveis possuem dificuldades em se desenvolver em locais de pastagens estabelecidas, devido ao impedimento físico causado pelas estruturas das culturas, e pela redução da incidência de raios solares. O objetivo desse estudo é avaliar os efeitos da intensidade de pastejo sobre a pastagem hibernal e seus impactos sobre as populações de plantas não forrageiras no planalto Catarinense. O trabalho será realizado na fazenda Subtil na cidade de Curitibanos (SC), com solo classificado como Latossolo Vermelho, com 550 g kg-1 de argila e clima do tipo Cfb. O experimento será implantado em delineamento inteiramente casualizado 4 tratamentos e 3 repetições. Os tratamentos serão referentes à altura de manejo das pastagens 10, 20, 40 cm e sem pastejo (SP), sendo efetuada a quantificação de espécies não forrageiras incidentes nas pastagens em duas épocas distintas, uma antecedendo a entrada dos animais para o pastejo e outra posteriormente a saída dos animais. Os resultados serão submetidos à análise de variância para identificar se haverá distinção entre os tratamentos. As médias dos tratamentos serão comparadas pelo teste de Tukey a 5% , contudo espera-se obter resultados que possibilitem apontar a intensidade de pastejo que melhor contribua para o controle Das plantas daninhas.
Description: Projeto acadêmico (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Campus Curitibanos. Ciências Rurais.
URI: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/165419
Date: 2016-07-27


Files in this item

Files Size Format View
Julio César de Andrade Silveira.pdf 221.6Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Compartilhar