Vestibulares: o difícil acesso ao ensino superior no Brasil

Repositório institucional da UFSC

A- A A+

Vestibulares: o difícil acesso ao ensino superior no Brasil

Mostrar registro completo

Título: Vestibulares: o difícil acesso ao ensino superior no Brasil
Autor: Oliveira Filho, Delamare de
Resumo: O acesso ao ensino superior, de uma forma geral, é uma preocupação para os governos e responsáveis pelo sistema educacional em todos os países. Em países em desenvolvimento, o problema se agrava, pois há uma reduzida oferta de vagas para uma crescente demanda de jovens, que cada vez mais, buscam ingressar em uma universidade. Nesta pesquisa, objetivamos contextualizar historicamente, no cenário educacional brasileiro, as formas de flexibilização de acesso ao ensino superior, e, nessas circunstâncias, analisar os principais aspectos que envolvem o processo do vestibular ao qual vêm sendo submetidos os jovens brasileiros. Iremos analisar os diferentes processos seletivos para ingresso na universidade brasileira, com ênfase em dois momentos de inflexão: o período de 1968-1971 - quando se registra o primeiro desequilíbrio significativo entre o número de candidatos e o número de vagas - e o de 1996-1998 - quando são criadas formas alternativas de ingresso ao ensino superior com a nova LDBEN, de 1996 (Lei n.º 9394/96).
Descrição: Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
URI: http://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/102414
Data: 2005


Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro completo

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta

Estatística

Compartilhar