Repositórios institucionais de acesso aberto: análise do cenário nos países ibero-americanos

DSpace Repository

A- A A+

Repositórios institucionais de acesso aberto: análise do cenário nos países ibero-americanos

Show full item record

Title: Repositórios institucionais de acesso aberto: análise do cenário nos países ibero-americanos
Author: Cocco, Ana Paula
Abstract: Os Repositórios Institucionais de acesso aberto surgem como forma de minimizar a falta de visibilidade da produção científica das instituições. O objetivo desta pesquisa consiste em analisar os repositórios institucionais de acesso aberto dos países Ibero-Americanos cadastrados no Registry of Open Access Repositories, por meio da identificação das instituições que mantêm repositórios, da caracterização das coleções e da descrição dos mecanismos de preservação dos documentos. Os procedimentos metodológicos utilizados para a pesquisa são de natureza descritiva, exploratória, documental e quantitativa. Utilizou-se ficha documental como instrumento de coleta de dados e a técnica de estatística descritiva. Dos 180 cadastros no ROAR como repositórios institucionais ou departamentais nos países ibero-americanos, 87 (48,3%) atenderam os critérios de inclusão estabelecidos: a) repositórios com site disponível; b) cadastro único; c) repositório institucional; d) repositórios com o nome ou sigla da instituição na URL; e) repositórios de acesso aberto; e f) repositórios registrados até 2010 inclusive. A maioria (82,7%) dos repositórios institucionais dos países Ibero-Americanos foram desenvolvidos por Universidades. É possível observar que 36,8% (32) têm as bibliotecas e centros de documentação e informação como responsáveis pelo gerenciamento e 83,9% (73) utilizam o software DSpace, e registraram mais de 119 tipos de coleções, sendo que 6,7% (8) das coleções são publicações de caráter cientifico, para o depósito dos documentos 58,6% (51) utilizam o processo de auto-arquivamento pelos autores. Na verificação dos mecanismos de preservação constatou-se que 94,2% (82) estão cadastrados em formato PDF, 90,8% (79) dos repositórios utilizam o serviço de identificador persistente e 47,1% (41) utilizam as licenças Creative Commons.The Open Access Institutional Repositories are used as a way to minimize the institutions scientific production´s lack of visibility. The goal of this research is to analyze the Open Access Institutional Repositories of Ibero-American countries, which are registered in the Registry of Open Access Repositories, through the identification of the institutions that maintain repositories, the characterization of the collections, and the description of the documents preservation mechanisms. The methodological procedures used in this research are of a descriptive, exploratory, documental and quantitative nature. Documentation file was used as a data collection tool and the data analysis was done using descriptive statistic techniques. Out of 180 institutional or departmental repositories registered in ROAR in Ibero- American countries, 87 (48.3%) met the established inclusion criteria: a) repositories with an available website; (b) unique registration; c) institutional repository; d) repositories with the name or the acronym of the institution in the URL, e) repositories with open access; and f) repositories registered until and including 2010. Most of the institutional repositories of Ibero-American countries, 82.7% (72), were created by universities. It is possible to observe that 36.8% (32) have the libraries and documentation and information centers responsible for its management and 83.9% (73) use the Dspace software and have registered more than 119 types of collections, of which 6.7% (8) are scientific publications, 58.6% (51) use the self-archiving process by authors. In the analisys of the preservation mechanisms, it is noted that 94.2% (82) of the repositories are indexed in PDF format, 90.8% (79) use the persistent identifier service and 47.1% (41) use Creative Commons license.
Description: Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação. Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação.
URI: http://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/100623
Date: 2012


Files in this item

Files Size Format View
308831.pdf 1.261Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Compartilhar